Cartas para quem me faz dançar

Moacir Romanini Junior

Resumo


Esta escrita é resultado de uma vivência ocorrida na sede do Lume Teatro, no verão de 2015, quando pela primeira vez tive contato com o processo da Mímesis Corpórea, conduzido por Ana Cristina Colla e pela artista convidada, Ana Clara Amaral. Como uma possível forma de reencontrar as matrizes geradoras durante os dez dias de investigação, enderecei cartas a algumas imagens que me fizeram dançar naquele período. Trata-se também de uma tentativa em tocar outras sensibilidades que estão para além de questões técnicas do trabalho do ator.


Palavras-chave


Artes do Corpo; Mímesis Corpórea; Teoria e Prática

Texto completo:

PDF páginas 34-47